A pesquisa de 20 anos arruinada após faxineiro desligar congelador

Um faxineiro destruiu o trabalho de décadas de uma pesquisa “pioneira” dos Estados Unidos ao desligar o congelador de um laboratório que continha amostras extremamente importantes.

O incidente ocorreu em setembro de 2020 no Instituto Politécnico Rensselaer de Troy, em Nova York, mas o caso se tornou conhecido nos últimos dias.

O profissional da limpeza argumentou que desligou porque havia um som de alarme muito “irritante”, de acordo com uma ação movida por advogados da instituição afetada em Nova York.

Embora houvesse uma placa explicando como silenciar o bipe, o trabalhador teria desconectado um interruptor por um erro de leitura.

Segundo os advogados, as amostras armazenadas a -80 °C eram “insalváveis”, e os danos chegaram ao valor de US$ 1 milhão (cerca de R$ 4,8 milhões).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com