Argentina: Com crise econômica, estrangeiros viajam ao país para fazer compras

Inflação na Argentina segue em alta e ultrapassa os 115% ao ano.

Argentina passa por uma grave crise econômica e estrangeiros aproveitam a situação para viajar até o país para fazer compras. O movimento na fronteira com o Uruguai, por exemplo, é constante, mas ganhou um novo impulso nos últimos meses. Isso porque uruguaios vão à Argentina para comprar comidas e combustíveis. O morador Robert é um deles. De acordo com ele, a “pequena viagem vale a pena”. “No Uruguai, o combustível custa 70 pesos. Aqui na Argentina pagamos 20 pesos. Então já temos mais da metade do lucro, muito melhor para nós. Alimentos, produtos não perecíveis, tudo funciona. Um pacote de macarrão no Uruguai, por exemplo, custa 70 pesos e aqui é 20 pesos. Você consegue três pacotes aqui e apenas um lá”, comentou.

A Argentina luta contra uma inflação superior a 115% e tem a situação agravada devido a desvalorização do peso com relação ao dólar. Já o Uruguai possui inflação anual de cerca de 6% e a moeda local valorizada em relação a moeda americana. Gerente de um mercado no Uruguai, Noélia Romero viu as vendas despencarem com a fuga de clientes para à Argentina. “Nossas vendas caíram muito. Isso sem falar na gasolina. Mas as vendas de alimentos e produtos de limpeza são as mais afetadas”, explicou. O governo uruguaio recebe pressão para adotar medidas contra o contágio da crise. Do outro lado, o Banco Central da Argentina aumentou em maio a taxa básico de juros para 97% ao ano. O índice está no maior patamar da série histórica, que foi iniciada em dezembro de 2015.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com