Tesla vende 466 mil carros em um trimestre e bate recorde com cortes no preço; Bruno Meyer comenta

Aumento das vendas foi de 83% na comparação com o mesmo período do ano passado

De acordo com dados divulgados neste último domingo, 2, a Tesla entregou número recorde de veículos a compradores no segundo trimestre deste ano. Foram 466 mil veículos entregues entre abril e junho, uma alta de 10,4% em relação ao trimestre anterior. O aumento das vendas foi de 83% na comparação com o mesmo período do ano passado. A produção no período foi de 480 mil, número bem acima das entregas. A alta das vendas foi puxada pelos cortes nos preços promovidos pela empresa em janeiro. Entre os automóveis mais vendidos, o líder foi o Model 3, modelo mais ‘popular’ da companhia, com versão de entrada no valor de US$ 32,7 mil (cerca de R$ 156 mil). O bom desempenho da Tesla foi tema da coluna de Bruno Meyer no Jornal da Manhã, da Jovem Pan News: “As ações da montadora têm disparado na manhã desta segunda-feira. Há poucos minutos, a montadora elétrica de Elon Musk subia 6,33% na Bolsa de Nasdaq, no pré-mercado de ações dos Estados Unidos”.

“Por que tem acontecido esse recorde de vendas da Tesla? A empresa reduziu os valores dos carros em 20% no mundo, depois de não cumprir as estimativas de Wall Street no ano passado. Essa foi uma tática de Elon Musk para vender mais carros, o que tem surtido efeito. No ano passado não vendeu tanto carro por conta da questão de paralisação das fábricas na China, fábricas e fornecedores da Tesla. Mas essa tática dele de baixar o valor do carro em 20% tem surtido efeito”, analisou o comentarista de business da Jovem Pan.

Para Meyer, a chinesa BYD, que também tem registrado números recordes na venda de carros elétricos, é a atual concorrente direta da Tesla nesse mercado: “Quero até deixar registrado que 70% da fortuna de Elon Musk vem da Tesla, não vem do Twitter, vem da Tesla, é onde ele ganha dinheiro. E a gente está falando do homem mais rico do mundo. A Tesla tem um desafio no caminho. O desafio se chama BYD. O brasileiro vai ouvir muito falar da BYD ainda, que é uma fortíssima concorrente no setor de carros elétricos. Mas a aposta é que a Tesla vai bater recorde de vendas mais uma vez neste ano, sobretudo na China, que é o segundo maior mercado depois da América do Norte”.

“Agora, eu estou falando da BYD porque nesta terça-feira nós vamos ter novidades em relação a essa montadora chinesa, pois ela vai anunciar a instalação de uma fábrica em Camaçari, na Bahia. Eu estive com representantes da montadora chinesa nesta última sexta-feira, no Rio de Janeiro, que confirmaram que a empresa vai assumir a antiga fábrica da Ford. Uma fábrica aí muito representativa”, declarou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com