Greta Thunberg será julgada novamente por bloquear acesso a porto na Suécia

A ativista climática Greta Thunberg será julgada novamente por “resistência à autoridade” em uma ação no porto de Malmö, no sul da Suécia. A informação foi confirmada pelo Ministério Público da cidade, que agendou o julgamento para o dia 27 de setembro. No entanto, a data poderá ser alterada. No dia 24 de julho, a ativista de 20 anos foi condenada a pagar uma multa por desobedecer a polícia durante um bloqueio no porto em 19 de junho. Na ocasião, Greta e outros ativistas bloquearam o acesso ao local em protesto contra o uso de combustíveis fósseis. Horas após o primeiro julgamento, ela realizou uma ação similar. “A manifestação não estava autorizada e provocou o bloqueio do tráfego. A jovem se negou a obedecer as ordens da polícia de abandonar o local”, afirmou a promotora Isabel Ekberg. “Trata-se, portanto, de um caso de resistência à autoridade”, continuou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com