Governo prevê déficit fiscal de R$ 145,4 bilhões e rombo de R$ 3,2 bilhões no orçamento público

Ministério do Planejamento e Orçamento publicou Relatório de Avaliação de Receitas e Despesas do 3º bimestre com expectativa de saldo negativo de R$ 9,2 bilhões superiores à estimativa de maio

déficit fiscal do governo federal deve ser de R$ 145,4 bilhões em 2023, segundo o Relatório de Avaliação de Receitas e Despesas do 3º bimestre, divulgado nesta sexta-feira, 21. Os dados apresentados pelo Ministério do Planejamento e Orçamento indicam que o saldo negativo representa 1,4% do Produto Interno Bruto (PIB). O valor é R$ 9,2 bilhões superiores à estimativa divulgada em maio. Na época, a projeção era de um déficit de R$ 136,2 bilhões. De acordo com a equipe econômica, as despesas cresceram R$ 3,2 bilhões em relação ao limite estabelecido pelo teto de gastos. Com isso, o governo deve bloquear o valor em despesas discricionárias. A mudança na previsão foi puxada por um aumento de R$ 7,2 bilhões nas projeções de despesas e pela redução R$ 2 bilhões nas estimativas de arrecadação. O acordo do governo para compensar perdas arrecadatórias de estados e municípios pelo fim do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) sobre combustíveis foi responsável pelo aumento na previsão dos gastos. O acordo equivale a R$ 4,6 bilhões. Já a parte de receitas foi impactada pela revisão da massa de salários, que teve uma queda de R$ 9,3 bilhões.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com