Pisoteada em tumulto no metrô, passageira receberá indenização de R$ 50 mil

Justiça determinou que o Metrô de São Paulo e a ViaQuatro indenizem a vítima por danos morais; caso aconteceu na linha 4-Amarela em março de 2019

Metrô de São Paulo e a empresa ViaQuatro, concessionária que administra a linha 4-Amarela do metrô da capital, deverão por determinação da Justiça pagar juntas R$ 50 mil a uma passageira que foi pisoteada durante um tumulto na ligação entre as estações Consolação e Paulista. O caso aconteceu em 14 de março de 2019. Na ocasião, as pessoas confundiram o barulho causado por uma cadeira de rodas que ficou presa em uma escada rolante com tiros. Os passageiros começaram a correr desesperados na tentativa de fugir dos supostos disparos. Além dos feridos, nove pessoas precisaram ser atendidas com sinais de crise nervosa. A vítima que será indenizada caiu e foi pisoteada. No processo, ela afirmou ter sofrido lesões na coluna e ter precisado de cirurgias. Ela pediu indenização por danos físicos de no mínimo R$ 80 mil e indenização por danos morais de no mínimo de R$ 50 mil.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com