Biden nega ter falado com secretário de Justiça sobre documentos levados por Trump

Biden nega ter falado com secretário de Justiça sobre documentos levados por Trump

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, negou ter conversado com o secretário de Justiça Merrick Garland, sobre o indiciamento de seu antecessor, Donald Trump, por ter retido documentos secretos da Casa Branca. Nesta sexta-feira, 9, Biden foi questionado por um jornalista sobre o tema. “Não falei com ele, nem falarei. E não tenho mais comentários a respeito”, disse o presidente americano. Apoiadores do ex-presidente acusam Biden de usar a Justiça visando as eleições presidenciais, em 2024, nas quais ambos podem voltar a se enfrentar. Nesta quinta-feira, 8, Trump afirmou que foi indiciado pelo armazenamento de documentos sigilosos do governo americano.  “A administração corrupta de Biden informou a meus advogados que fui indiciado”, escreveu Trump em sua plataforma Truth Social. Trump afirmou ainda que foi convocado para comparecer ao Tribunal Federal de Miami na próxima terça-feira, 13, e afirmou: “Sou inocente”. Porém o republicano não apresentou provas de que realmente foi indiciado. Também não houve confirmação imediata por parte do Departamento de Justiça. “Nunca achei possível que algo assim pudesse acontecer a um ex-presidente dos Estados Unidos”, escreveu Trump, que disputará novamente à presidência. O republicano pode ser primeiro ex-presidente americano julgado pela Justiça Federal do país.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com